Desporto

Competições adiadas ou canceladas

AUTOMOBILISMO

O Grande Prémio da Bélgica de Fórmula 1, previsto para 30 de agosto, está em risco depois de o governo belga ter proibido ajuntamentos de pessoas até 31 de agosto.

A solução da prova decorrer à porta fechada também parece pouco viável, segundo a imprensa belga, uma vez que o principal financiador do evento, o Governo da região da Valónia, recusa avançar com o dinheiro nessas condições. Na mesma situação está o GP de França, marcado para 28 de junho, pois o Governo gaulês proibiu concentrações até ao mês de julho.

GOLFE

O circuito europeu de golfe (PGA European Tour) anunciou o cancelamento dos torneios de Munique – que estava programado para os dias 25 a 28 de junho – e de França – que seria disputado entre 2 e 5 de julho – e o adiamento do Open da Escócia – programado para ser disputado entre 9 e 12 de julho -, devido à pandemia do coronavírus.

VOLEIBOL

Os campeonatos nacionais de voleibol dos escalões de formação até juniores B (sub-21) foram dados por concluídos sem a atribuição dos respetivos títulos, conforme anunciou a Federação Portuguesa de Voleibol (FPV).

TÉNIS

A quarta edição da Laver Cup em ténis, marcada para os 25 a 27 de setembro, foi cancelada por coincidir com outros grandes torneios da modalidade, devido à pandemia de Covid-19, mas voltará em 2021, anunciou a organização.

Em comunicado, os responsáveis acrescentam que “a quarta edição da Laver Cup está prevista para acontecer em Boston, entre os dias 24 e 26 de setembro de 2021, no TD Garden”.

PATINAGEM ARTÍSTICA

Os Mundiais de patinagem artística, bem como de patinagem de velocidade e pista curta, previstos para março e suspensos devido à pandemia da Covid-19, foram “definitivamente anulados”, informou a Federação Internacional de Patinagem (ISU).

FUTEBOL

O primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, anunciou que o futebol não será retomado nos próximos meses. estando suspenso até 1 de setembro. De acordo com o “Voetbal International”, estão agora três soluções a ser equacionadas: começar a próxima temporada com 20 equipas, anular a temporada ou concluir a época com a classificação atual.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) prevê que os campeonatos nacionais continuem suspensos em maio, devido à pandemia de covid-19, mas advertiu que o “regresso não pode passar de junho”.

A liga mexicana anunciou a suspensão das subidas e descidas entre as duas principais competições do país durante cinco anos, alegando os problemas económicos dos clubes do segundo escalão agravados pela pandemia da Covid-19. O presidente da Liga MX, Enrique Bonilla, anunciou que a 2.ª Liga, conhecida como Liga Ascenso, foi cancelada, depois de a 15 de março o organismo ter decidido suspender por tempo indeterminado as duas competições. Cada um dos 12 clubes da liga Ascenso receberá 845 mil dólares (cerca de 777 mil euros) de compensação por cada uma das cinco temporadas, em que disputarão uma liga de desenvolvimento. As finais da Liga dos Campeões africanos e da Taça das Confederações, previstas para maio, foram adiadas, sem data prevista, revelou a Confederação Africana de Futebol (CAF).

A Liga de Futebol da Rússia espera poder recomeçar o principal campeonato do país entre junho e julho, mas indica que tudo depende da situação da pandemia da Covid-19. Segundo a liga, “o campeonato começará assim que as autoridades retirem as restrições em vigor, de forma a permitir eventos públicos, entre os quais os desportivos”.

HÓQUEI EM PATINS

A Federação de Patinagem de Portugal decidiu anular os campeonatos nacionais de hóquei em patins dos escalões jovens, dos sub-13 aos sub-23.  Os centros de treino seniores femininos e sub-17 e sub-19 masculinos também foram anulados.

Todas estas competições serão retomadas somente na época 2020/21, já o inter-regiões sub-17, previsto para a Páscoa, foi reagendado para 10 a 13 de junho.

Em 18 de maio será tomada uma decisão final sobre a retoma das competições seniores, sendo que, em 28 de abril, haverá nova análise à situação da pandemia covid-19.

ESTAFETAS

O Campeonato do Mundo de estafetas de triatlo, que se deveria disputar a 12 de julho, em Hamburgo, na Alemanha, foi adiado pela organização da competição. A WTS Hamburg Media também dá conta em comunicado de que não se disputará na véspera a etapa do Mundial individual, prevista também para aquela cidade alemã. Para ambos os adiamentos, ainda não há data marcada.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW