Canadá

Otava disponibiliza 2,2 mil milhões aos municípios

O PM Justin Trudeau anunciou segunda-feira (1) que o Governo Federal vai disponibilizar aos municípios $2,2 mil milhões para ajudar a cobrir os deficits orçamentais provocados pela COVID-19. Em vez de ser distribuído em duas prestações anuais, o Fundo Federal de Impostos sobre Gás vai ser distribuído numa única tranche para ajudar os municípios a recuperar da pandemia o mais rápido possível. Trudeau disse que isto é apenas o início e garantiu que o Governo Federal vai continuar a trabalhar com as províncias e com os municípios. O Fundo Federal de Impostos sobre Gás distribui todos os anos mais de $2 mil milhões por 3,600 municípios no Canadá e o dinheiro pode ser usado em infraestruturas, como por exemplo nos transportes públicos, banda larga, cultura, turismo e mitigação de desastres.

Recentemente a federação que representa os municípios canadianos disse que os municípios enfrentam deficits entre $10 e $15 mil milhões devido à diminuição da utilização de transportes públicos e ao atraso no pagamento dos impostos. O presidente da autarquia de Toronto disse também recentemente que a cidade está a prever uma perda de receitas na ordem dos $1,5 mil milhões. Sobre as manifestações pacíficas contra o racismo que decorreram no Canadá no fim de semana, o PM disse estar solidário e sublinhou que o problema não existe apenas nos EUA.
Otava vai destinar milhões de dólares para promover viagens de férias no Canadá de forma a ajudar a indústria do turismo a enfrentar a pandemia da COVID-19. Os fundos anunciados pela ministra do Desenvolvimento Económico, Melanie Joly, no passado domingo (31) incluem $30 milhões originalmente destinados a atrair visitantes estrangeiros através da agência federal de marketing de turismo, Destination Canada. Em vez disso, o dinheiro será usado para ajudar províncias e territórios a encorajar os canadianos a descobrirem “o seu próprio backyard” enquanto as fronteiras internacionais do país permanecem praticamente fechadas devido à COVID-19. O Governo também está a reservar cerca de $40 milhões para que as agências de turismo no sul e no norte de Ontário, bem como no oeste do Canadá, possam adaptar as suas operações à pandemia.

A Canadian Transportation Agency acumulou nos últimos dois anos quase 14.000 reclamações de passageiros aéreos e agora milhares de canadianos estão a exigir que a agência os ajude a recuperar o dinheiro de voos cancelados devido à pandemia da COVID-19. Mais da metade das 26.000 reclamações enviadas à agência até abril de 2020 não foram resolvidas, de acordo com uma resposta a uma pergunta do NDP apresentada no Parlamento.

Governo cria linha para denuncias de CERB fraudulento

Desde terça-feira (2) que os canadianos podem denunciar pessoas suspeitas de terem recebido indevidamente apoios financeiros do Governo Federal. A Canada Revenue Agency criou uma linha específica onde é possível denunciar casos fraudulentos de acesso a qualquer um dos programas de apoio federal criados durante a pandemia. Até 1 de junho o Governo já tinha efetuado 15 milhões de processos para o Canada Response Emergency Benefit (CERB) e pago mais de $42 mil milhões em benefícios. Alguns canadianos podem ter recebido indevidamente pagamentos duplos quando na realidade deveriam ter recebido apenas um. Agora podem devolver o dinheiro ao Governo Federal através da Canada Revenue Agency.

Os proprietários da Colúmbia Britânica que são elegíveis para o subsídio federal de apoio ao pagamento da renda e que optaram por não se inscrever estão proibidos de despejar as empresas que não puderam pagar a renda. A decisão foi anunciada pela ministra das Finanças, Carole James. A ordem de emergência restringe rescisões de contrato de locação, ações judiciais de reembolso de renda e reintegração de posse de bens e propriedades e vai permanecer em vigor até o final de junho. A ministra disse que a ordem de emergência visa proteger as pequenas empresas durante a pandemia da COVID-19 e incentivar os proprietários a ativar o programa que visa reduzir em 75% a renda durante abril, maio e junho.

Pássaro poderá ter causado acidente com Snowbirds

Os investigadores de acidentes da força aérea canadiana acreditam que um choque com um pássaro pode ter estado na origem da queda de um jato no mês passado na Colúmbia Britânica.
Os Snowbirds estavam a fazer uma demonstração para levantar o ânimo dos canadianos durante a pandemia quando um dos jatos caiu e matou Jenn Casey. Num relatório preliminar divulgado na segunda-feira (1), os investigadores disseram que as imagens de vídeo do acidente mostraram que um pássaro estava muito próximo da entrada de ar do lado direito do único motor da aeronave durante a descolagem. O relatório sugere que o pássaro pode ter atingido a entrada de ar da aeronave. Acidentes com pássaros e aeronaves são comuns e os pilotos da força aérea canadiana são treinados para tomar precauções contra possíveis ataques de pássaros, especialmente durante a estação migratória. No vídeo é possível observar que a vítima mortal e o piloto, Richard MacDougall, foram ejetados da aeronave antes de esta cair a ficar completamente destruída. O piloto ficou ferido e deverá recuperar totalmente.

Com as manifestações antirracistas de ambos os lados da fronteira, as principais autoridades de saúde esperam que os participantes não se esqueçam do risco da COVID-19. As autoridades de saúde canadianas não estão a sugerir que as pessoas evitem protestos, mas estão a alertar para a importância de desinfetar as mãos e cobrir a boca e o nariz com máscara. Como a distância física é quase impossível em algumas destas manifestações, os participantes podem ter que encontrar outras formas de se manterem seguros.

O Walmart vai começar a encerrar os seus negócios de pneus, lubrificantes e express businesses no Canadá. O encerramento vai afectar 550 funcionários de 106 lojas em todo o Canadá.

Canadá encomenda 37 milhões de vacinas

O Governo Federal assinou um contrato para 37 milhões de vacinas – o suficiente para quase toda a população canadiana – enquanto se prepara para “vacinações em massa” contra a COVID-19. A ministra de Serviços Públicos e Compras, Anita Anand, disse esta semana que o contrato foi assinado com a filial canadiana da Becton Dickinson, uma gigante global de tecnologia médica.

O Banco do Canadá anunciou quarta-feira (3) que vai manter as taxas de juro inalteradas, naquele que foi o primeiro dia do mandato do novo governador Tiff Macklem.

O banco central do Canadá informou que a meta da taxa overnight se mantém em 0,25%, valor que o ex-governador Stephen Poloz disse várias vezes ser o mais baixo possível.

O PM Justin Trudeau voltou a defender quarta-feira (3) uma resposta global coordenada para mitigar o impacto económico da pandemia da COVID-19 nos países mais pobres do mundo. Trudeau foi um dos líderes e chefes de estado que participou na cúpula virtual da Organização dos Estados da África, do Caribe e do Pacífico.

Joana Leal/MS

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

Close
Close