Canadá

Hydro One obrigada a reduzir o orçamento administrativo em 30 milhões de dólares em 2 anos

O regulador de energia do Ontário ordenou à Hydro One para reduzir o seu orçamento administrativo em 30 milhões de dólares ao longo de dois anos, justificando que os contribuintes não devem pagar a fatura dos altos salários de funcionários de categoria superior.

Numa decisão recente, o Conselho de Energia do Ontário (OEB, sigla em inglês) rejeitou um pedido da Hydro One para aumentar os seus custos administrativos e gastar mais em projetos de capital.

A decisão do OEB vem como parte de uma revisão de uma solicitação de aumento da tarifa de 2016 por parte da Hydro One que, se aprovada, veria as tarifas subirem 0,5 por cento em 2017 e 4,8 por cento em 2018.

A Hydro One diz que irá rever e responder às ordens do OEB e as tarifas serão definidas no final deste ano pelo regulador.

O OEB também rejeitou uma proposta para passar para os acionistas todas as poupanças de impostos geradas pela oferta pública inicial de 2015 da empresa parcialmente privatizada.

Em vez disso, o regulador mandatou os acionistas para receber 71% das poupanças, enquanto que os contribuintes recebem os 29% restantes.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER