Madeira

Venda de banana da Madeira aumentou 29%

Em 2019, a comercialização de banana cresceu 29,1% face a 2018, começa por noticiar a DREM na actualização da estatística deste indicador. “Segundo dados fornecidos pela Direcção Regional de Agricultura (DRA), em 2019 foram comercializadas na primeira venda 21.644,5 toneladas de banana, mais 4.885,0 toneladas do que em 2018, o que representa um acréscimo relativo de 29,1%”.

Refere ainda que “a principal razão para este aumento residiu em condições climatéricas propícias ao desenvolvimento das produções, conduzindo assim, depois de 2017, ao segundo valor mais elevado dos últimos 20 anos”, com destaque para a banana de categoria extra que “registou um aumento de 55,5%, enquanto a banana de 1.ª e 2.ª categorias recuou 2,3% e 24,3%, respectivamente”, frisa.

Cada vez mais para exportação

“Do total de banana comercializada no ano em análise, 84,7% foi expedida tendo como destino principal o Continente (81,0% em 2018). Por sua vez, a banana de categoria extra representou 73,8% do total comercializado (61,2% em 2018), atingindo as 15.963,7 toneladas transaccionadas”, aponta, o maior valor da série estatística iniciada em 1998 e superando 2017 (15.129,1 toneladas).

“Setembro foi o mês de 2019 no qual se registou a maior quantidade de banana comercializada (2.894,9 toneladas) e Fevereiro o de menor abundância deste produto (816,5 toneladas)”, aponta, tal como em tempo o DIÁRIO já divulgara com dados disponibilizados pela GESBA, que até esse mês já ia com crescimento de 25% e revelavam que 2019 já superava a produção de seis dos últimos 14 anos.

Assim, “Setembro e Julho foram os meses com a maior subida homóloga (+90,4% e +65,0%, respectivamente)”, confirma ainda a DREM. “De Janeiro a Abril registaram-se sempre quebras mensais homólogas, com destaque para os meses de Fevereiro e Janeiro com reduções mais significativas na comercialização de banana (-31,9% e -28,6%, respectivamente)”, conclui este breve resumo.

DN Madeira

Redes Sociais - Comentários

Fonte
DN Madeira

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW