Madeira

Jovem de Câmara de Lobos produz e oferece máscaras de protecção facial

A Câmara Municipal de Câmara de Lobos recebeu uma dádiva de equipamentos de protecção individual, do jovem designer Câmara-lobense, natural do Estreito de Câmara de Lobos. Hugo Abreu, que imprimiu, com recurso a impressora 3D, 100 máscaras de protecção facial que serão utilizadas pelos operacionais camarários no terreno.

O presidente da autarquia, Pedro Coelho, agradeceu e louvou a atitude do jovem Hugo Abreu:

“Em tempos de incerteza, face ao inimigo que enfrentamos, são atitudes como esta, de um jovem que apesar de directamente afectado pelo layoff, não desanimou e aplicou os seus conhecimentos e as suas ferramentas para a produção solidária de equipamentos de protecção individual, que farão toda a diferença para a protecção dos colaboradores camarários que trabalham na rua para garantir que Câmara de Lobos não pare com a desinfecção e higienização dos espaços públicos”.

Hugo Abreu é residente no Estreito de Câmara de Lobos e juntou-se ao ‘Movimento Maker’ que reúne em Portugal cerca de 8500 pessoas, de diversas áreas do saber, que partilham ideias e conhecimento para o desenvolvimento de protótipos e ideias que ajudem a combater a pandemia do COVID-19.

A viseira de protecção foi idealizada pelo fundador do ‘Movimento Maker – Portugal’, Bruno Horta em conjunto com outros elementos do grupo, chegando a um modelo, cuja eficácia é reconhecida pelos profissionais de saúde.

Hugo Abreu já tinha produzido e oferecido um lote de viseiras à Corporação de Bombeiros Voluntários de Câmara de Lobos, estendendo agora a sua oferta ao Município de Câmara de Lobos.

Segundo o mesmo está neste momento a produzir “100 unidades para os colaboradores camarários, que estão na linha da frente a proteger o município”.

“Um pequeno gesto que posso fazer para agradecer ao concelho que me viu nascer e crescer”, realça.

DN Madeira

Redes Sociais - Comentários

Fonte
DN Madeira

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW