Madeira

Cidadãos não residentes serão obrigados cumprir quarentena na Quinta do Lorde

As autoridades de saúde reforçaram, a partir de hoje, a entrega dos questionários de avaliação do risco e detecção precoce do novo Coronavírus, Covid-19 na Madeira, alertando a quem chega para a importância do cumprimento das medidas de quarentena, informou hoje a Secretaria Regional de Saúde e Protecção Civil.

A entrega destes questionários é feita por um profissional de saúde acompanhado de perto por um agente da autoridade da Polícia de Segurança Publica.

Os residentes e não residentes que chegam à Madeira, através do Aeroporto Internacional da Madeira, são informados da quarentena obrigatória decretada pelo Governo Regional, durante 14 dias, refere a nota de imprensa da Adjunta do Gabinete do Secretário Regional de Saúde e Protecção Civil, alertando que “o incumprimento desta medida constitui crime de desobediência”.

Como tal, “todos os residentes ficarão em isolamento no seu domicílio e os não residentes ficarão em auto-isolamento na Quinta do Lorde no Caniçal”.

No último balanço efectuado até às 13 horas do dia de hoje, 20 de Março, “chegaram apenas 2 aviões e abordo só viajavam residentes”, revela a tutela do Governo Regional. “Todos optaram pelo cumprimento da quarentena no seu domicilio”, acrescenta.

A secretaria tutelada por Pedro Ramos agradece a todos os profissionais de saúde envolvidos nesta operação nos aeroportos da Madeira, bem como à Polícia de Segurança Pública, parceiro essencial no cumprimento das medidas implementadas pelas autoridades de saúde na RAM.

DN Madeira

Redes Sociais - Comentários

Fonte
DN Madeira

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW