Madeira

Banco Alimentar da Madeira recolheu 20 toneladas de alimentos

Correu melhor do que se esperava a última campanha de recolha de alimentos por parte da delegação do Banco Alimentar Contra a Fome, na Madeira. Ao todo, durante o fim-de-semana passado, com a ajuda de aproximadamente 800 voluntários, a instituição arrecadou 20.049 quilos de alimentos nos diversos supermercados da Região, produtos esses que serão distribuídos por 8 mil madeirenses.

“Foram atingidas as vinte toneladas de alimentos recolhidos, um bocadinho mais do que no ano passado, em idêntica data. Tivemos alguma dificuldade inicial em relação aos voluntários, mas conseguimos preencher os turnos que estavam em falta e agora é reorganizar o armazém e começar a fazer a expedição dos produtos e cabazes conforme é usual em todas as campanhas”, começou por referir Fátima Aveiro, responsável pelo Banco Alimentar Contra a Fome, na Madeira.

Ainda de acordo com a ‘líder’ do Banco Alimentar da Madeira, o procedimento agora passa por “entregar estes bens às instituições que têm protocolo” com a instituição, que são cerca de trinta.

“Estes produtos vão ser entregues ao longo dos meses, até Novembro, altura em que se desenrola a próxima campanha do Banco Alimentar, que irá decorrer nos dias 30 de Novembro e 1 de Dezembro. Na próxima semana já estaremos a fazer a distribuição. Neste momento, o Banco Alimentar vai manter o número apoios, num total de oito mil pessoas”, mencionou ainda Fátima Aveiro.

Para além desta ‘Campanha Saco’, decorre até ao dia 2 de Junho a ‘Campanha Vales’, onde a população pode continuar a ajudar nas caixas de supermercado. No fundo, cada vale possui um código de barras específico associado a produtos que cada pessoa queira doar ao Banco Alimentar.

Redes Sociais - Comentários

Fonte
DN Madeira
Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close