Madeira

Altice quer cobertura de fibra óptica em toda a ilha

Inserida na estratégia de estender a cobertura de fibra óptica a todo o território nacional até 2020, o chief sales officer B2B da Altice Portugal garantiu que o objectivo é também fibrar a Madeira: “Para que também possam ter as auto-estradas do futuro e ligar as empresas e os clientes daqui ao mundo”, enfatizou João Sousa, esta manhã, no “Liderar a Mudança”, um evento que, ao longo desta terça-feira, vai abordar a Revolução Digital nas empresas, no Colégio dos Jesuítas.

João Sousa sublinhou que “dentro da estratégia de proximidade da empresa, a Altice Portugal, marca mãe, criou a Altice Madeira. O chief sales officer, que viajou para o Funchal para abrir o evento, apontou que a marca tem “feito um forte investimento no mercado”. A fibra é uma das frentes, o 4G e 4G+, aos quais João Sousa chama “fibra do ar”, é outra.

Ao longo desta terça-feira, haverá ‘workshops’ para as empresas parceiras que são, aliás, outra das apostas da Altice. Desta vez, através da PT empresas, a marca orientada para o mercado empresarial: “Há muito tempo que a nossa estratégia assenta em três pilares: telecomunicações, que é aquilo que fazemos desde sempre e achamos que fazemos bem. Mas, hoje, é impossível dirigirmos ao cliente só com uma solução de telecomunicações. Temos desenvolvido uma oferta em tecnologias de informação – e durante o dia de hoje vamos falar dessas mesmas ofertas – e também da área toda de processos de ‘outsourcing’ porque as empresas cada vez mais necessitam de estar focadas no seu core, no seu negócio”.

Além disso, continua o chief sales officer, e porque acredita que como o mundo é cada vez mais colaborativo, “é impossível estar sozinho em tecnologia”. A pensar nisso, a marca desenvolveu há três anos uma nova solução: “Trouxemos um ecossistema de parceiros que vão desde as grandes empresas multinacionais como a SAP ou a Accenture, a Pequenas e Médias Empressas (PME’s) locais e ‘startups’, desde que tenham as melhores soluções para os nossos clientes. Agregamos às nossas ofertas e vamos para o mercado. Desta forma, também tentamos desenvolver a economia local, já que muitas destas PME´s, graças ao nosso custo comercial e financeiro, também crescem e estão a se internacionalizar”.

Esse é o foco principal da iniciativa de hoje: ao longo do dia essas marcas parceiras vão mostrar os produtos, assim como as próprias equipas internas da Altice Portugal. O objectivo, diz João Sousa, “é mostrar o estamos a fazer e como é que conseguimos ajudar para que as vossas organizações cresçam, compitam num mercado cada vez mais global”. Para exemplificar falou sobre a última conferência de imprensa da Apple que, acredita, dá uma orientação sobre o que está a acontecer no mundo da tecnologia: “Pela primeira vez [a Apple] não apresentou novos produtos, mas um conceito, uma solução suportada num ecossistema de terceiros onde revende todo o tipo de serviços. Utiliza a sua capacidade de marketing e de distribuição. É isto que estamos a fazer na PT empresas, portanto achamos que estamos no caminho certo”.

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close