Madeira

Albuquerque garante que a UE “não interfere no empréstimo entre o Estado e a Região”

Miguel Albuquerque sobre a recusa da moratória: “A pouca vergonha que se passou ontem na Assembleia [da República] não tem a ver com empréstimo. Tem a ver com uma situação em que este novo Ministro das Finanças chamado Leão – penso que devia ter outro nome, que de leão não teve nada – porque teve medo de responder à deputada” que perguntou “porquê o Governo Nacional se recusa a prorrogar o pagamento das prestações do PAEF à Madeira? Por que é que não dá essa maturidade numa situação de pandemia em que nós temos de ocorrer rapidamente ao resultado de uma situação de grande crise económica, social e sanitária. Porquê se o Governo mete 880 milhões de euros no Novo Banco, se vai meter mais de 1000 milhões de euros na TAP, se autorizou moratória para os bancos, para os particulares e para as empresas, porquê vai obrigar a Madeira neste momento a pagar a prestação no dia 21 de Julho de 48 milhões de euros ao Estado, mais outra em Janeiro, porque é que isso acontece?”.

Albuquerque garante que a UE “não interfere no empréstimo entre o Estado e a Região”. Considera o argumento da União Europeia “tudo tretas e uma mentira e uma desculpa”.

DN Madeira

Redes Sociais - Comentários

Fonte
DN Madeira
Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

Close
Close