Madeira

2019 já tem um dos melhores seis meses da pesca

O sector da pesca está a ter um dos melhores anos desde 1976, pelo menos a avaliar pela quantidade de pescado descarregado nas lotas da Madeira, totalizando até Junho 4.228 toneladas de peixe. Melhor, ainda assim, podemos encontrar mais de uma dezena de anos anteriores, com destaque para os extraordinários meios anos de 1995, com 6.798 toneladas, 1997 (5.975 ton.) e 1992 (5.650 ton.). De Janeiro a Junho de 1980 foi o pior registo em 44 anos, com 2.224 toneladas descarregadas.

Mas se reduzirmos o período em análise aos últimos 20 anos (1999 a 2019), então estes primeiros seis meses do ano corrente foram o terceiro melhor em termos de pescado, só ultrapassado por 2014 e 2017, com 4.763 toneladas e 4.678 toneladas, respectivamente. Tal como já noticiado a meados do mês, o 1.º semestre de 2019 resultou num aumento de 44% do pescado descarregado na Madeira, face a igual período do ano passado (2.919 toneladas).

No entanto, é de notar o grande contributo que teve o mês de Junho, um dos três melhores de sempre. Desde 1976 até 2019, só se encontras dois meses de Junho melhores que o actual, nos anos de 1992 (1.891 toneladas) e 2014 (1.956 toneladas). Face ao mesmo mês do ano passado, por exemplo, foram capturados quase o dobro do pescado, 869 toneladas contra as actuais 1.620 toneladas.

Por estes resultados na faina o melhor mesmo é quanto valorizou para o sector. Nos primeiros seis meses de 2019, o peixe na primeira venda (em lota) resultou em quase 12,1 milhões de euros (12.095.908 € exactos), o que comparando com os 44 anos anteriores, resulta ser o segundo melhor ano de sempre, neste particular, ainda que se possa dar o desconto da inflação e outros considerandos financeiros, somente entre janeiro e Junho de 2017 podemos encontrar melhor (12.272.266 €).


Autor(a):
Fonte:

Redes Sociais - Comentários

Fonte
DN Madeira
Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close