Açores

Turismo “afundou” 99% em Abril

Na Região Autónoma dos Açores, no mês de Abril, no conjunto dos estabelecimentos hoteleiros e do alojamento local apuraram-se 1.930 dormidas, apresentando uma variação homóloga negativa de 99,2%.

A quase inexistência de movimento turístico reflecte expressivamente a situação determinada pela pandemia Covid19. Segundo o SREA, em Abril, o reduzido número de estabelecimentos hoteleiros que registaram movimento turístico não permite, de momento, a divulgação dos resultados por ilha.

Um esclarecimento igualmente relevante diz respeito aos estabelecimentos hoteleiros que alojaram hóspedes em confinamento, os quais de acordo com as orientações do Eurostat “o pessoal médico e os pacientes em isolamento não devem ser considerados nas estatísticas de alojamento turístico.”

Em Abril, o turismo no espaço rural não apresenta apuramentos. Ainda para Abril, o alojamento local apresentou movimento, embora muito reduzido.

Com efeito, a Região Autónoma dos Açores, no mês de Abril, o alojamento local registou 1.865 dormidas, representando um decréscimo homólogo de 97,5%.

De Janeiro a Abril de 2020, no alojamento local registaram-se 82,6 mil dormidas, valor inferior em 50,8% ao registado em igual período de 2019.

De Janeiro a Abril, os residentes em Portugal atingiram cerca de 38,1 mil dormidas, correspondendo a um decréscimo homólogo de 50,1%; os residentes no estrangeiro atingiram 44,5 mil dormidas, registando uma diminuição em termos homólogos de 51,4%.

Neste período registaram-se 24,7 mil hóspedes, apresentando uma taxa de variação negativa de 49,8% relativamente ao mesmo período de 2019.

De Janeiro a Abril a ilha de S. Miguel com 61,8 mil dormidas concentrou 74,8% do total das dormidas, seguindo-se a Terceira com 11,0 mil dormidas (13,3%), o Faial com 3,7 mil dormidas (4,5%) e o Pico com 3,5 mil dormidas (4,3%).

Diário dos Açores

Redes Sociais - Comentários

Fonte
Diário dos Açores

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW