Açores

Remuneração média mensal na Administração Pública açoriana é de 1.416 euros

A remuneração base média mensal na Administração Regional dos Açores era, em Julho de 2019, de 1.416,9 euros, mas o ganho médio mensal era de 1.703 euros.

De acordo com a Síntese Estatística do Emprego Público, a remuneração base média mensal mais alta verifica-se no grupo do de Representantes do poder legislativo (que inclui governantes), na ordem dos 3.650,7 euros, mas com ganho médio mensal de 4.492 euros.

A mais baixa regista-se no grupo de Assistente operacional/operário/auxiliar, com 699,5 euros na remuneração base média mensal, mas com ganhos médio mensal de 939,3 euros.

No global das administrações públicas, em Julho de 2019, o valor da remuneração base média mensal dos trabalhadores a tempo completo no sector das administrações públicas situava-se em cerca de 1 489,6 euros, correspondendo a uma variação global média de 0,4% em relação ao mês de referência do trimestre precedente (Abril 2019); e, a uma variação homóloga de 2,0%, por efeito essencialmente da atualização do valor da remuneração base praticada no sector, que passou a ser igual ou superior a 635,07 euros, bem como do processo gradual de descongelamento de todas as carreiras. O impacto destas medidas teve maior efeito na carreira de assistente operacional/operário/auxiliar e forças armadas, com variação positiva em relação a julho de 2018 de 4,8%; por outro lado, a carreira de pessoal de investigação científica apresentou uma variação negativa de 18,5% em resultado dos movimentos de entrada e saída de trabalhadores com diferentes níveis remuneratórios (entrada de novos trabalhadores em níveis remuneratórios na base da carreira).

O ganho médio mensal nas administrações públicas é estimado, para Julho de 2019, em 1 748,0 euros, indiciando uma variação global no trimestre de 0,9%, e uma variação homóloga de 2,3%, pelos mesmos motivos referidos para a remuneração base média mensal.

Diário dos Açores

Redes Sociais - Comentários

Fonte
Diário dos Açores
Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

Close
Close