Açores

Mega Jet embateu no cais em Santa Maria

A Atlânticoline confirmou ontem que, durante a manobra de atracação na ilha de Santa Maria, quando regressava de S. Miguel anteontem à noite – cerca das 23h45 -, o navio Mega Jet embateu no cais, danificando a defensa de popa de bombordo, sem qualquer consequência ao nível da segurança de pessoas e viaturas a bordo.

O navio foi inspeccionado pela Autoridade Marítima, aguardando-se o relatório técnico a atestar a sua operacionalidade, que terá de ser emitido pelo Estado de Bandeira Grego.

As viagens encontram-se, por isso, suspensas até que o referido relatório seja conhecido e a Atlânticoline possa diligenciar novas medidas, anunciou a empresa.

A viagem, que se iniciava ontem de manhã em Santa Maria com destino ao Faial, encontra-se, assim, atrasada, tendo os passageiros sido informados deste atraso e sendo prestada a devida assistência àqueles que se encontram de regresso, segundo a Atlânticoline.

Ao longo das próximas horas e à medida que seja possível, a Atlânticoline garante que irá fazendo atualizações na informação prestada aos passageiros.

No total, segundo as informações recolhidas pelo nosso jornal, são mais de 730 passageiros que ficaram afectados e mais de 130 viaturas, contando com os passageiros que viriam ontem para S. Miguel e depois para o Faial.
A empresa diz que garante o alojamento para os passageiros que possam ficar retidos em Vila do Porto, estando a ser equacionada a ida do Aqua Jewel a Santa Maria, caso o problema se prolongue.

Entretanto, ao fim da tarde de ontem a Atlânticoline anunciou que o navio Mega Jet iria retomar ainda na tarde de ontem a sua operação programada, com saída prevista de Santa Maria às 17h30. Os passageiros foram já informados do novo horário.

A Bandeira Grega e a Sociedade Classificadora Lloyds Register atestaram que o incidente não colocou em causa a operacionalidade do navio em integral segurança, sendo que, à luz desta informação, também a Direcção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos e a Autoridade Marítima consideraram estarem reunidas condições para a operação da embarcação.


Autor(a):
Fonte: Diário dos Açores

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close