Açores

Dois hotéis de S. Miguel recebem “Chave de Prata” do Guia Boa Cama Boa Mesa

O Grand Hotel Açores Atlântico, em Ponta Delgada, e o Santa Bárbara Eco Beach Resort, na Ribeira Grande, acabam de ganhar a distinção de “Chave de Prata” do Guia Boa Cama Boa Mesa 2020. As duas unidades de S. Miguel estão entre outras treze distinguidas nesta categoria. Nas restantes categorias não foi atribuída nenhuma distinção aos Açores.

O chef Rui Paula, que este ano conquistou a segunda estrela Michelin para o restaurante ‘Casa de Chá da Boa Nova’ (Leça da Palmeira), foi distinguido como ‘Chef do Ano’. O guia, editado pelo semanário Expresso, distingue este ano 62 premiados, nas duas categorias: Boa Cama e Boa Mesa.

O restaurante que Rui Paula chefia, num edifício desenhado pelo arquitecto Álvaro de Siza Vieira, foi também distinguido com o Garfo de Platina (categoria máxima) – nas edições dos dois anos anteriores tinha sido Garfo de Ouro.

“Rui Paula é muito mais do que um excelente cozinheiro. De forma inteligente, soube interpretar o local que lhe serve de palco, adaptar a carta de maneira a que seja o prolongamento da praia e do mar que tocam nas janelas, e rodeou-se de uma equipa que o percebeu e que trabalhou empenhada para conseguir este resultado. A carta tem 21 cantos, inspirados em Camões, sendo servidos em menus de 6, 12 ou 21 momentos, todos com o mar como ponto de partida”, pode ler-se no guia, que chega às bancas no próximo sábado.

Também com Garfo de Platina mantêm-se, nesta edição, o ‘Feitoria’ (‘chef ’ João Rodrigues, uma estrela, em Lisboa) e o ‘Ocean’ (Hans Neuner, duas estrelas, Porches), enquanto o ‘The Yeatman’ (Ricardo Costa, duas estrelas, Vila Nova de Gaia) sobe da categoria de Ouro.

Em sentido contrário, o ‘Belcanto’ (José Avillez, duas estrelas, Lisboa) desceu da categoria Platina para Ouro. Já o ‘Alma’ (Henrique Sá Pessoa, duas estrelas, Lisboa), subiu de Prata para Ouro, categoria que conta agora com dez restaurantes.

O Garfo de Prata foi entregue a um total de 18 estabelecimentos, entre os quais quatro novas entradas – 100 Maneiras, Prado, Vistas e Fortaleza do Guincho (estes dois com uma estrela Michelin). Os restaurantes Antiqvvm e Pedro Lemos (ambos com uma estrela) desceram da categoria Ouro para Prata.

Diário dos Açores

Redes Sociais - Comentários

Fonte
Diário dos Açores

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW