Açores

Autarcas dos Açores são os que menos apoiam a regionalização

Os autarcas dos Açores são os que menos apoiam a regionalização a curto prazo, segundo revela um inquérito realizado pela universidade ISCTE-IUL.
Questionados se as “regiões administrativas devem ser criadas no curto prazo”, 100% dos autarcas do PCP/CDU responderam afirmativamente. Já 67% dos autarcas eleitos pelo PSD e pelo CDS responderam que a regionalização deve avançar no curto prazo. Por último, 65% dos autarcas do PS responderam afirmativamente. Mesmo assim, no global, a maioria dos autarcas (77%) concorda em criar regiões administrativas no curto prazo.
Estes valores levam Raul Lopes, o autor do inquérito, a concluir que a “regionalização é uma ambição transpartidária”. Por regiões, é entre os autarcas do interior que existem mais apoios à regionalização no curto prazo (80%). Já 75% dos autarcas do litoral responderam afirmativamente, enquanto nas ilhas da Madeira e dos Açores este valor desce para 70%. Raul Lopes conclui que a “regionalização é uma ambição que se sobrepõe aos desequilíbrios regionais de desenvolvimento”.
O inquérito foi realizado junto de todos os 308 autarcas de Portugal, incluindo os 19 municípios dos Açores. Do total, foram validadas as respostas de 107 autarcas. Os resultados vão ser analisados no Fórum das Políticas Públicas, que decorre hoje na Assembleia da República.

Redes Sociais - Comentários

Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER

Close
Close